Marketing

Saiba tudo sobre os anúncios rich media

Formato rich media oferece métricas mais precisas, taxas de conversões, visualizações e interação com o usuário.

Por Nerdweb - Dia 17 de Fevereiro de 2022 às 00:02

Você sabia que anúncios rich media conseguem melhorar a experiência do usuário? Sim, o formato promete um aumento nas taxas de conversões, cliques e visualizações. Além disso, as métricas são mais precisas comparadas a anúncios comuns. Quer entender mais? Continue lendo esse texto.

O que é rich media?

O termo rich media é usado no ramo do marketing digital para classificar anúncios com recursos avançados como: vídeo, áudio ou qualquer outro elemento interativo e imersivo. 

Existem anúncios por texto, que vendem por palavras, anúncios gráficos, que vendem por imagens, e os anúncios rich media, que vendem através de uma experiência envolvente e interativa

Sobretudo, o formato possui diversas possibilidades de apresentação e imersão, além de fornecer métricas de comportamento do público, número de expansões, saídas múltiplas e vídeos com dados sobre a campanha geral. 

Quais os benefícios do formato?

Os anúncios rich media oferecem um mar de possibilidades para marcas que querem “mexer” com seus consumidores. O formato proporciona boas respostas entre campanha e usuário, considerando que os anúncios são explorados e apresentados de diversas formas, como em vídeos, jogos ou tweets de um anúncio. Portanto, a rich media pode ser aplicada e efetivo em cases simples ou grandiosos. 

Importante ressaltar, também, que a experiência do usuário se torna envolvente e com uma maior taxa de interação. As conversões, cliques e visualizações são maiores e as métricas são mais assertivas.  Ao todo, são benefícios muito relevantes para engajar e obter resultados nos meios digitais. 

Vale a pena investir em rich media?

Segundo o site Statista, o formato só vem crescendo nos meios digitais. Embora não seja o mais comum de se encontrar, os investimentos em rich media beiram os US$ 12,9 bilhões em 2019 nos EUA. E, se pensarmos em comparações, a taxa de cliques em rich media é de 0,44%, nos banners em vídeo é de 0,39%, já os convencionais chegam a, apenas, 0,14%.

Inclusive, de acordo com alguns infográficos da agência americana Kwikturn Media, existem muitos pontos relevantes na hora de criar uma campanha com conteúdo visual. 

Marcelo Horta, do Meio e Mensagem, separou três tópicos específicos que devem ser considerados:

  1. 90% das informações transmitidas ao cérebro são visuais;
  2. O cérebro processa informação visual 60 mil vezes mais rapidamente do que informação em texto;
  3. 40% das pessoas respondem melhor às informações visuais do que textuais.

Mesmo com dados internacionais, o Brasil, hoje, já possui 70% de indivíduos conectados e ativos nos meios digitais, totalizando mais de 120 milhões de usuários, segundo a Cetic (Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação). 

Vivemos na era dos digital natives (pessoas que já nasceram em meio a tecnologia), e, para atingir uma grande parcela de indivíduos, o formato rich media propõe inovação e criatividade. 

anuncios-rich-media-vale-a-pena

Quais são as melhores práticas de rich media?

Por ser um conteúdo interativo, existem muitas opções de apresentação. No entanto, existem as mais utilizadas e efetivas no rich media:

Vídeo

Os conteúdos em vídeo costumam oferecer métricas avançadas, como tempo médio de visualização e conclusão, sem contar a possibilidade de ajustes conforme a campanha. Segundo uma pesquisa da TIC Domicílios, feita em 2019, 73% dos brasileiros costumam compartilhar vídeos e conteúdos audiovisuais de terceiros em suas redes sociais.

Interatividade

A possibilidade de interação com o anúncio é, no mínimo, interessante. A mídia interativa, por si só, vai além de atrair e converter os acessos, mas sim entreter o usuário. Existem inúmeras possibilidades e a criatividade é essencial neste momento. Desde mini jogos até questionários elaborados, o formato encanta e prende o indivíduo. 

Inovação sem invasão de privacidade

Essa questão sempre vem à tona quando falamos de inovação nos meios digitais. Como atrair um usuário sem ser invasivo ou violar sua privacidade? Os anúncios em rich media são, basicamente, focados na experiência do usuário. 

Com isso, é importante pensar em banners ou conteúdos que são ativados apenas com cliques ou contato com o cursor do mouse, respeitando a escolha do indivíduo. A parte de inovação e criatividade são importantes justamente por isso, pois o objetivo é sempre atrair o consumidor, sem ser invasivo ou cansativo

Onde posso anunciar?

anuncios-rich-media-onde-anunciar

Existem diversas plataformas para veicular campanhas digitais. Mesmo com o anúncio rich media em sua fase de crescimento no Brasil, o formato já está disponível em quase todas as principais ferramentas de publicidade. Quer saber as principais? Confere aqui embaixo:

  1. Facebook Ads: Uma das maiores redes sociais da atualidade, o Facebook relatou que em 2019 as receitas em anúncios aumentaram em 35%, gerando um retorno recorde de US$ 20,7 bilhões.
  2. Google Ads: Praticamente o site mais acessado de todos os tempos, o Google divulgou que entre 2019 e 2020 a receita foi de US$ 134,81 bilhões para US$ 146,92 bilhões.
  3. LinkedIn Ads: Conhecida como a rede profissional do momento, os gestores do LinkedIn compartilharam o aumento de sua receita, que, anualmente, está na casa dos 20%, considerando seus mais de 706 milhões de usuários globais. No Brasil, por exemplo, já são mais de 34 milhões de perfis cadastrados. Se o público alvo do anúncio estiver por lá, porque não, né?!

Em suma, a rich media está disponível e pronta para fornecer boas métricas. Ao veicular uma campanha neste formato, você consegue garantir, sem muito esforço, uma boa taxa de interação e engajamento, além de bons resultados para sua marca, produto ou serviço. Esclarecemos suas dúvidas? Está pronto(a) para inovar e investir em rich media? Entre em contato com sua agência para mais informações comerciais.

Precisa de ajuda para criar sua estratégia de marketing de conteúdo? Fale com a Nerdweb!

FIQUE POR DENTRO!

Fique atualizado com as últimas noticias, dicas e novidades da Nerdweb.