Marketing

Marketing Data-Driven: o futuro dos negócios baseado em dados

Dados são os melhores indicadores de sucesso e permitem entregas espetaculares. Saiba agora o que o futuro reserva para quem decide usá-los!

Por Nerdweb - Dia 02 de Março de 2021 às 00:03

O uso de dados no marketing permitiu a criação de práticas mais avançadas e planejamentos muito mais precisos para diversos tipos de negócios. O chamado Marketing Data-Driven comprovadamente também aumenta o ROI das campanhas em até 20%

 

A boa notícia é que a tomada de decisão baseada em dados não é algo exclusivo das empresas de grande porte. Mesmo as pequenas companhias podem utilizar esse tipo de recurso para validar hipóteses e, com isso, tomar decisões mais assertivas.

 

Neste texto, vamos abordar um pouco sobre os rumos dessa escola de pensamento, seu futuro e as razões que a fazem ser percebida de forma tão eficaz no mercado.

Como os dados melhoraram o processo de marketing?

O marketing está por toda parte, mesmo quando não nos damos conta disso. Tudo aquilo que consumimos, utilizamos ou com o que nos engajamos utiliza técnicas de marketing para ser visto e distribuído.

 

O Marketing Data-Driven dá às empresas a possibilidade de organizar e alinhar toda a jornada do consumidor. Ele permite que vejamos as mensagens com as quais teremos mais propensão de nos identificar de uma forma mais personalizada e organizada do que o marketing tradicional. Além disso, as soluções convencionais não permitem a atribuição de impacto correta a cada parte do processo, deixando os gestores “no escuro” em relação a vários aspectos da operação de mídia.

 

A tecnologia orientada a dados nos deu a solução destes dois problemas e, ao ajudar as empresas a se situar em relação ao desempenho de cada canal, prova imediatamente eficácia e a importância de sua proposta.

 

Quando profissionais de marketing podem se aprofundar nos dados de um site, produto ou de utilização de aplicativo, fica fácil entender o impacto do setor de marketing em vendas e geração de receita (desde que o trabalho seja  feito com otimização contínua de orçamentos e testes de novas estratégias de conteúdo e segmentação). 

Quais são os desafios para se fazer Marketing Data-Driven?

Com a multiplicação das fontes de dados disponíveis para as empresas e agências, as práticas de marketing foram profundamente aprimoradas. Isso não significa que não existam obstáculos e desafios relacionados ao data-driven.

 

O maior e mais óbvio de todos eles é o manuseio correto desse oceano de dados. Encontrar o equilíbrio entre o uso desses dados e o respeito à privacidade do usuário precisa ser um pilar da gestão de dados da sua empresa.

 

Privacidade do usuário é uma responsabilidade coletiva de todas as marcas, agências e plataformas de tecnologia. A entrada em vigor da LGPD está impactando diretamente nesse cenário.

 

Como um gestor de marketing, é necessário ser transparente e honesto sobre como você usa esses dados e fornecer uma solução de opt-out para quem visita seu site. Lembre-se que a maior parte das pessoas está disposta a compartilhar alguns dados por uma pequena recompensa, mas elas precisam saber exatamente como essas informações serão usadas.

Tecnologias e processos emergentes no Marketing Data-Driven

Como toda área do conhecimento, o Marketing Data-Driven está em constante processo de crescimento e adaptação. Dessa  forma, a chave para o marketing de sucesso no momento é garantir que os dados colhidos sejam processados em informações legíveis e compreensíveis, para que as análises desses dados gere insights sobre os quais seja possível agir. 

 

Com a ascensão de plataformas que utilizam inteligência artificial, análises e otimizações podem ser feitas em tempo real, reduzindo o tempo entre o recebimento do dado e a efetiva ação. Por isso, é importante fazer medições calibradas e modelar os dados colhidos da melhor forma possível. 

 

Durante o processo de modelagem, é comum descobrirmos novos pontos de atrito na jornada do consumidor, que podem ser suavizados. São exemplos comuns:

 

  • Pular etapas na jornada do consumidor,o que resulta em redução no valor da compra;
  • Pontos de escape do consumidor em determinada etapa;
  • Canais que não entregam como o esperado ou que gastam demais (baixo ROI);
  • Priorização de determinados produtos que geram mais receita ou vendem mais.

 

Ao entender melhor cada canal de mídia, por meio dos dados coletados, e após trabalhar em cima de soluções como as citadas acima, é possível maximizar o retorno sobre investimento, minimizar o custo por lead ou por compra e gerar atenção para um novo produto. Basta definir um objetivo e otimizar sua mídia e seu criativo para obter resultados. O melhor é que você estará amparado por dados e não apenas por achismos.

Marketing Data-Driven: a visão de negócios do futuro

O Marketing Data-Driven pode ser analisado sob dois aspectos: em como ele cria conhecimento e em como ele ativa essas informações. 

 

Ele cria conhecimento porque se utiliza do poder de computação disponível para colher e centralizar dados, além de incentivar a aprimoração de plataformas de experimentação. 

 

Já a ativação das informações acontece quando analistas de marketing conseguem se beneficiar das estratégias multicanal e de ferramentas que permitem gerenciar tudo isso. Também ativa-se esse conhecimento quando analistas de dados utilizam o conteúdo criativo que está armazenado nessas plataformas, fazendo com que a entrega da mensagem mais adequada ao público alvo seja sempre possível.

 

O importante é nunca parar de fazer perguntas. O que o seu consumidor quer da sua empresa? Converse com outros departamentos da sua organização e se tiver uma agência por trás das suas ações, ouça o que ela tem a dizer.

 

Utilizar o Marketing Data-Driven significa tomar responsabilidade sobre essas demandas e criar objetivos inteligentes e significativos para seu negócio. Outro fator decisivo é não ter medo de mostrar e celebrar os indicadores positivos uma vez que este modo operacional for implementado. 

 

Data-Driven não é apenas uma forma de mastigar dados, é uma mentalidade científica que impactará todas as etapas da jornada do seu consumidor! Em outras palavras, o Marketing Data-Driven é sobre juntar análise, estratégia, criatividade e tecnologia, utilizando dados em cada etapa do processo para tomar decisões mais assertivas.

 

FIQUE POR DENTRO!

Fique atualizado com as últimas noticias, dicas e novidades da Nerdweb.