Marketing

Love Brand: o que são e o que aprender com elas?

O que faz as pessoas amarem uma marca? Conheça o conceito de love brand e entenda a importância da conexão afetiva verdadeira com o seu público!

Por - Dia 04 de Março de 2021 às 00:03

O conceito de Love Brand, como o próprio nome sugere, faz referência a um desejo de todas as empresas: o amor dos consumidores pela marca. Afinal, o que faz com que as pessoas defendam optem por uma marca em relação à outra?

Quais são os impactos de uma conexão fiel e verdadeira com uma empresa? Como conquistar as pessoas a ponto do engajamento com o seu produto, serviço e os valores que a sua organização representa de forma genuína?

Responder todas essas questões não é uma tarefa tão simples, afinal o Love Brand é uma construção realizada a partir de vários pilares, tal como: relacionamento com os fãs da marca, confiança, credibilidade, propósito e engajamento constante.

“As pessoas não compram o que você faz, elas compram porque você faz isso”. A máxima de Simon Sinek,  autor, fundador da Start With Why e um dos maiores palestrantes focados em inspiração e liderança do TED Talks resume muito bem a essência de uma Love Brand que, ao contrário da maioria das marcas, ultrapassa a visão puramente comercial.

Quer entender melhor o conceito de Love Brand e se inspirar em alguns exemplos? Continue lendo este artigo produzido especialmente para você!

O que é Love Brand?

Love Brand ou lovemark é um conceito do marketing, baseado em algumas características que ajudam na construção da admiração e do amor por uma marca. Há visões distintas e complementares sobre o assunto, mas, em essência, o amor por uma marca é pautado em alguns atributos. São eles:

  • Engajamento dos consumidores com as ações da marca;
  • Excelente nível de confiança;
  • Intimidade;
  • Fidelidade além da razão.

Conquistar todas essas qualidades é possível a partir de um excelente trabalho de branding. Na prática, o branding é uma estratégia integrada de marketing com foco na gestão de marca a partir de ações conjuntas em áreas distintas que vão muito além do produto ou serviço vendido.

São elementos importantes para a gestão de marca: aspectos socioculturais, personalidade da marca, tom de voz e comunicação da marca,  identidade visual, canais de comunicação escolhidos, estratégias de conteúdo e tudo o que gera impacto no posicionamento da organização.

Se para um bom trabalho de branding, todos esses fatores são relevantes, imagine que para a construção de uma Love Brand, o cuidado e a atenção com cada um deles é duplicado. 

Afinal, além do objetivo primário de criar um posicionamento da sua empresa e fazer com que ela seja lembrada na mente e no coração das pessoas de forma positiva, um trabalho forte de Love Brand é feito de conexões profundas e íntimas.

Vantagens de ser uma Love Brand

Despertar laços íntimos, ganhar a confiança do cliente e a defesa de forma consciente e inconsciente diante de críticas ou elogios e se identificar com a marca a ponto de desenvolver um caso de amor à primeira vista são algumas das inúmeras vantagens de ser uma Love Brand.

Para que você entenda melhor a força de uma Love Brand, separamos alguns exemplos inspiradores. Confira!

1.  The Walt Disney Company

Se você é da área de marketing ou consome conteúdos dessa área, provavelmente já deve ter ouvido falar muito bem do trabalho de branding da Disney. Há pesquisas que, inclusive, a revelam como a marca mais adorada do mundo.

Portanto, não há como falar do berço de personagens tão adorados como o famoso Mickey sem associar a empresa a um dos exemplos mais emblemáticos de Love Brand.

Das animações que marcaram gerações inteiras de crianças e adultos nostálgicos às experiências de visitação aos parques temáticos da Disney que são verdadeiras imersões em um cenário cinematográfico com muita magia e encanto, há vários detalhes que alimentam esse amor entre as pessoas e a companhia.

Para não restarem dúvidas que a Disney é uma Love Brand “raíz”, listamos as principais curiosidades deste universo dos sonhos. Confira:

  • Uma das principais apostas da empresa é o marketing de experiência. Seja nas compras, nas visitas aos parques ou no atendimento, despertar as sensações e emoções do público é de lei;
  • Independente da oferta ao público, a Disney define sua identidade a partir de valores como eficiência, segurança, cortesia e mágica;
  • Atendimento de altíssima qualidade nos mínimos detalhes: a Disney tem um processo rigoroso para proporcionar um atendimento que encanta e fideliza as pessoas. Todos os funcionários da organização passam por diversos treinamentos.

Outras evidências que provam a relação do jeitinho Disney de ser com uma Love Brand consolidada no mercado são os princípios do inspirador Walt Disney que criou o termo gestologia para se referir à importância de descobrir o que os clientes amam e não medir esforços para fazer a entrega.

Aliás, é a partir desta perspectiva, que os pilares do atendimento da marca são construídos. Já falamos de cortesia, espetáculo, segurança e eficiência, mas é sempre bom frisar que a marca também preza por criar e manter as pessoas felizes, independente da idade.

Se você quiser  aprofundar mais no assunto, temos duas dicas finais: a leitura do livro “O jeito Disney de Encantar Clientes”, publicado pelo Disney Institute e o play no vídeo abaixo:

2. Melissa

Criada em 1979, a Melissa é amada por gerações no ramo de sapatos. Uma das principais estratégias desta Love Brand é o marketing olfativo, que faz parte das estratégias de marketing sensorial.

love brand melissa

Faça o teste: pergunte a todas as melisseiras que você conhece qual é o cheirinho da sandália? Certamente, você terá respostas como único e inconfundível e não é à toa já que o aroma do plástico da melissa é de chiclete. Diferente, não é mesmo? 

Além desse diferencial, a Melissa é exemplo de Lovemark e Love Brand por outros motivos. São eles:

  • Sustentabilidade: a produção da Melissa leva em conta o respeito ao meio ambiente e por isso adota, o conceito 100% Real Plastic que, na prática, significa que nenhum sapato é fabricado a partir de componentes de origem animal;
  • A originalidade do design das sandálias é única e empresa é muito lembrada por parcerias com grandes nomes da moda como, Jean-Paul Gaultier, Jeremy Scott, entre outros;
  • Mais do que uma fabricante de sandálias de plásticos, a Melissa entrega a experiência de uma marca conceitual e que desperta diversos sentimentos entre as “melisseiras” fãs da marca.

3.Netflix

A Netflix é a segunda marca mais amada pelos brasileiros segundo uma  pesquisa da eCGlobal Solutions. Essa não é a primeira vez que a provedora dos serviços de streaming fica entre as 10 empresas preferidas dos consumidores. Em 2019, o mesmo estudo foi realizado e a Netflix também estava lá.

Não é à toa que a Netflix é considerada uma Love Brand do momento que conquista cada vez mais o coração de quem gosta de assistir filmes, seriados, documentários ou até mesmo desenhos animados.

love brand netflix

Depois da imagem acima, como não amar, né? 

Sem dúvidas, um dos grandes destaques da Netflix é unir todas as tribos, com personalidade, bom humor e um jeitinho único de se relacionar com os fãs, seja para promover filmes, divulgar as novidades ou dar spoilers.

Voltando à pesquisa da eCGlobal, é interessante destacar que  a plataforma responsável pela pesquisa de mercado entrevistou mais de 2000 mil homens e mulheres, na faixa etária entre 18 e 53 anos, de classes A, B e C, do Brasil inteiro.

A metodologia utilizada para o estudo  foi o Net Love Score, um indicador exclusivo que considera uma pontuação variável entre -100 e +200 pontos a partir de critérios como:  fidelidade à marca, preferência entre as empresas, lealdade, nível, intensidade e amplitude do amor.

Além disso, todas as pessoas precisaram atribuir notas de 0 a 10 para avaliações que vão desde o quanto a marca combina com seus gostos pessoais até outras ponderações sobre como ela faz parte da vida.

Dicas para construir uma Love Brand

Se você leu até aqui, deve ter percebido que conquistar o título de uma Love Brand não é algo que acontece da noite para o dia, certo? Dizem que o amor é construído todos os dias com base em muita admiração, respeito, confiança e tantos outros detalhes. 

Podemos dizer que, embora as empresas não sejam pessoas, despertar a paixão dos fãs é algo parecido e que exige muito cuidado e atenção em todos os sentidos. Quer ser uma Love Brand? O trabalho é árduo, mas vale a pena. Comece agora lendo algumas dicas a seguir.

Fortaleça o espírito de comunidade nos canais digitais

As redes sociais são canais com enorme potencial para se relacionar e engajar os promotores e apaixonados por uma marca. Uma Love Brand de sucesso investe no trabalho especializado de social listening. A atividade envolve a interação com as pessoas nas redes sociais e o monitoramento das diferentes perspectivas sobre a entidade neste universo.

Mais do que respostas prontas e distantes do cliente, o objetivo dessa estratégia é promover uma conexão honesta e próxima com o público. Um bom trabalho de social listening fortalece o Love Brand porque as pessoas constroem verdadeiras comunidades nas redes sociais. 

Em síntese, a gestão de comunidades com foco em Love Brand é pautada em algumas ações. São elas:

  • Escuta ativa;
  • Comunicação intimista: as marcas se comportam mais como amigas dos fãs do que como uma instituição comercial;
  • Empatia;
  • Foco em resolução dos problemas;
  • Promoção de relacionamento com as pessoas: mostrar propósito além de uma venda e de fato, entender a pessoa.

Que tal se inspirar com alguns exemplos? Confira!

love brand netflix

De novo, a querida Netflix mostrando suas preferências. É parceira ou não é?

love brand boticário

O cuidado e a personalização com a resposta é essencial e O Boticário sabe disso.

Uma interação diz mais do que mil palavras.

Cultive o relacionamento com os fãs e promotores da marca

Um promotor de uma marca é uma pessoa que defende a sua empresa com unhas e dentes. Ou seja, muito engajamento envolvido. Cuide dessa relação com quem fala bem do que você faz e, assim, você estará atraindo coisas boas.

A força dos defensores da marca tem muito potencial perante as pessoas. Muitas vezes, até mais potencial do que a própria empresa falando de si. Lembre-se: pessoas compartilham experiências com pessoas e se conectam com elas.

Trabalhe com influencers digitais

Investir em uma estratégia de marketing com influenciadores digitais que se identificam com a sua proposta é uma das técnicas mais utilizadas para construir uma Love Brand

Existem empresas especializadas somente na análise dos influenciadores digitais e diversos estudos já comprovam o poder que bons influenciadores têm sobre as pessoas que podem amar uma marca.

Mais uma vez, vale o ensinamento que mais do que seguidores ou seguidoras, quem está interagindo por trás da tela é uma pessoa que ouve outras pessoas e se conecta com experiências. 

Segundo o estudo “Influenciadores digitais”, realizado pela Qualibest com mais de 4 mil brasileiros, 55% das pessoas costumam confiar e pesquisar a opinião dos influencers antes de fazer uma compra e 86% já descobriu algum produto ou marca por seguir uma pessoa com essa profissão.

Além da simpatia: resolva problemas

Simpatia, empatia e educação são muito importantes, mas tratar bem os seus clientes não é um diferencial e sim, a essência de uma boa marca. Resolver problemas, trazer soluções e proporcionar boas experiências para os consumidores é que faz toda a diferença e, sem dúvidas, uma Love Brand se preocupa muito com isso. Fica a dica!

O que aprender com uma Love Brand?

Um dos principais aprendizados que uma Love Brand pode proporcionar para qualquer empresa é a visão de que toda organização pode impactar de forma positiva na vida das pessoas. 

O amor e a fidelidade a uma marca ultrapassam qualquer relação comercial e despertar sentimentos como confiança, admiração e carinho entre as pessoas é o que faz com que um negócio seja lembrado por isso.

Uma Love Brand não é um estado temporário. É algo permanente desde que a empresa cultive essa relação.

Não é por acaso que as pessoas que amam uma marca geralmente a associam às boas memórias da vida, a uma lembrança, a um sentimento e mantêm uma relação duradoura com a empresa. Esperamos que neste artigo você tenha aprendido um pouco mais sobre o que é uma Love Brand e como aprender com ela.

Quer saber mais sobre como construir uma Love Brand e conquistar o coração dos clientes? Converse com os especialistas da Nerdweb!

FIQUE POR DENTRO!

Fique atualizado com as últimas noticias, dicas e novidades da Nerdweb.