Negócios

13 linguagens corporais que podem dar uma má primeira impressão

Seu corpo fala muito mais do que você pensa e algumas linguagens corporais podem jogar contra mesmo sem querer. Você sabe quais são elas?

Por Nerdweb - Dia 08 de Maio de 2017 às 16:05

A velha máxima “a primeira impressão é que fica” não é popular à toa. Se na vida pessoal nós sempre tentamos impressionar, quem dirá na vida profissional, onde várias portas podem se abrir ou fechar por causa de detalhes inconscientes.

Nosso cérebro capta muita informação e na maioria das vezes nosso comportamento pode prejudicar uma venda, um novo emprego ou até mesmo futuros bons relacionamentos. Por causa disso, é importante se atentar a estas treze linguagens corporais que realizamos sem querer todos os dias.

1. Curvar os ombros

Além de causar potenciais problemas de saúde, manter a sua cabeça baixa e os ombros curvados faz com que você pareça pequeno e amedrontado, passando uma sensação de insegurança ou até mesmo de desleixo com quem está conhecendo a primeira vez.

Ao invés de disso, mantenha-se ereto e relaxado. Mostre-se interessado no outro e transmita confiança.

2. Não fazer contato visual

Clichê, não é? Mas muitas pessoas falham por não realizar contato visual com as demais, sugerindo que estão distantes ou que querem esconder algo. A dica aqui, na verdade, é buscar um equilíbrio, uma vez que contato visual em excesso também é perigoso porque causa estranheza.

Especialistas dizem que em 70% do tempo de uma primeira conversa você deveria manter contato visual. Porém, quem calcula isso durante uma conversa? Impossível. O importante é manter contato visual, mas também não ficar todo o tempo assim para não parecer obcecado pela pessoa.

3. Não sorrir

Não é uma verdade universal e não serve para todas as culturas. Porém, demonstrar felicidade e esboçar um sorriso que não seja artificial é um grande passo quando você se apresenta pela primeira vez.

Sabemos que ninguém é imbatível para ser feliz o tempo todo, por isso a sugestão neste tópico é você sempre pensar em algo que te deixa muito feliz quando for conhecer alguém importante. Mesmo que na verdade você esteja furioso.

Por mais que isso lembre o universo de Harry Potter quando os bruxos enfrentam dementadores, psicólogos dizem que recordar boas lembranças facilita na hora faz você sorrir e não parecer falso. Afinal, um sorriso falso na primeira impressão pode ser mais maléfico que não sorrir.

4. Aperto de mãos inadequado

Esta aqui é clássica e tem tantas possibilidades de dar errado que você precisa de prática. Seja muito fraca ou muito forte, apertar a mão de outra pessoa é uma arte que se conquista com o tempo.

A recomendação é treinar todo dia nos amigos e criar o hábito de apertar a mão das pessoas no ambiente que você trabalha. Desta forma, você aprenderá a dosagem certa de força para nunca ser mal interpretado.

5. Manter o queixo empinado

Conhecido também como nariz empinado, esta postura pode ser mal interpretada se sugerir que você está se colocando num papel de superioridade, principalmente quando está falando. O ideal é manter-se reto e falar com serenidade, nem muito alto, nem muito baixo e tratar o outro como igual.

Tão importante quanto falar desta forma, é saber quando não interromper e deixar o outro lado também dialogar, mostrando-se um ótimo ouvinte.

6. Colocar as mãos nos bolsos

Este é um hábito comum entre os jovens e pode ser interpretado como você estivesse escondendo algo, uma vez que suas mãos estão visíveis. É claro que esta postura também pode mostrá-lo relaxado em algumas ocasiões, mas ela deve ser evitada quando você está entrando em contato com uma ou mais pessoas novas que ainda não o conhecem.

7. Manter os braços cruzados

Principalmente quando o outro está falando, cruzar os braços transmite um sinal de resistência ou de desgosto. Para deixar as pessoas que estão falando relaxadas, é necessário que o seu corpo demonstre interesse e para isso, manter os braços soltos e contato visual são essenciais.

8. Manter as pernas cruzadas

Na mesma linha, cruzar as pernas pode também ser mal interpretado. Neste sentido, a postura é mais ampla e representa diferentes coisas em várias culturas e até mesmo entre os gêneros (homem e mulher). No Ocidente, por exemplo, cruzar as pernas significa timidez ou desconfiança.

De qualquer forma, manter as pernas não cruzadas é a melhor saída para um primeiro contato.

9. Inclinar-se para trás

Uma postura comum quando se está sentado é jogar o corpo levemente para trás. Contudo, ela é um sinal visto de maneira negativa, pois pode indicar que você quer terminar uma conversa, principalmente se muitas pessoas ao redor também adotarem esta posição.

Novamente, o melhor caminho é manter-se ereto ou levemente inclinado para frente, demonstrando interesse.

10. Cerrar os punhos

Fechar as mãos fazendo o gesto de força pode ser recebido negativamente quando o outro está falando. A sensação é de que você está incomodado com algo e não concorda com o que está sendo dito.

11. Fazer muitos gestos

Tudo que é exagerado é ruim. Enquanto se manter estático como uma pedra pode demonstrar frieza ou timidez excessiva, gesticular demais também desequilibra a harmonia de um encontro. Você pode ser compreendido como uma pessoa expansível demais e com a personalidade forte.

É claro que tais características, em determinado contexto, podem ser vistas como virtudes. Mas, principalmente num primeiro encontro ou durante uma apresentação, controle-se para não ser excessivo demais.

12. Ficar próximo demais

Todo mundo tem a sua bolha, o seu espaço pessoal. Embora ele varie de pessoa para pessoa, infringir o espaço de outra causa um desconforto e isso é facilmente percebido, por exemplo, em lugares apertados como salas de reunião ou elevadores.

Se o gênero for oposto, então, o cuidado precisa ser redobrado para evitar interpretações que podem destruir a sua imagem para sempre.

13. Ficar olhando seu relógio ou smartphone

Essa aqui está tão comum hoje em dia que qualquer um vai se identificar. Com as dezenas de notificações e a polarização da comunicação indo diretamente para o seu celular, quem não se sente tentado a dar aquela espiadinha para ver o que está acontecendo na empresa e no mundo?

É tentador demais. Mas também pode ser visto como desrespeitoso. Ficar olhando o conteúdo do aparelho ou mesmo as horas do relógio vai passar a impressão de pressa e desinteresse, transmitindo que esta pessoa não é tão importante para você.

Isso, num primeiro encontro, pode ser fatal. E, garantimos, acontece com mais frequência do que muitas pessoas imaginam.


O seu corpo fala! Ter consciência de todas estas linguagens corporais pode ajudar muito a próxima vez que você for conhecer alguém muito importante no trabalho, seja ele um novo cliente, chefe ou colega.

Além disso, conhecê-las pode ajudar a também interpretar melhor os outros profissionais que você se relaciona e fornecer informações muito úteis.

FIQUE POR DENTRO!

Fique atualizado com as últimas noticias, dicas e novidades da Nerdweb.