Redes Sociais

10 motivos para usar o Instagram para Empresas

Após superar a marca de 1 bilhão de usuários, o Instagram é a rede social que mais chama a atenção na estratégia digital das empresas. Confira alguns dados e dicas que separamos!

Por Vinicius Souza - Dia 06 de Setembro de 2018 às 16:09

Com mais de 1 bilhão de usuários em 2018 e 15 milhões de contas comerciais, o Instagram vem se tornando uma plataforma indispensável na comunicação digital de empresas de todos os tamanhos.

Para provar que vale a pena investir no Instagram para negócios, a equipe da Nerdweb separou 10 dados impressionantes sobre como a rede social vem se tornando a queridinha dos brasileiros. Confira!

1. Instagram tem mais engajamento que outras redes sociais 

Ao priorizar conteúdo recente mais popular e das contas que o usuário mais interagiu, o feed do Instagram envolve mais que o de outras redes, segundo dados da ferramenta Social Bakers. Assim, se o seu seguidor já interage frequentemente com a sua marca, ele vai continuar visualizando os posts, o que o torna uma boa ferramenta de interação orgânica.

Já no Facebook, em contrapartida, posts de amigos e familiares são priorizados ao invés das publicações das páginas — agora, para priorizar os posts das marcas, o usuário precisa escolher e seguir a página para vê-los com prioridade.

2. Instagram mostra todos os posts, sim!

Ao contrário dos mitos recentes de que a plataforma só entrega o conteúdo para 7% dos seguidores, o Instagram mostra sim todos os posts aos usuários. O que acontece é que alguns posts são favorecidos de acordo com o algoritmo mas, se você continuar deslizando, vai encontrar todos os posts dos últimos dias das contas que segue.

Portanto, se o problema for a baixa interação no perfil da sua marca, pode ser a hora de rever sua estratégia de conteúdo para o Instagram.

3. O Instagram é visual. Nosso cérebro também!

O cérebro humano é capaz de processar as informações visuais 60 mil vezes mais rapidamente do que em formato de texto. Por isso, o Instagram prende tanto nossa atenção com seus vídeos e imagens.



Dica: evite usar textos longos nas imagens, além de ter menor impacto visual, a plataforma diminui a qualidade na hora do upload, o que acaba interferindo na legibilidade de blocos de textos. Sem contar que o algoritmo prioriza fotos em relação a peças com textos.

4. O Brasil tem a 2ª maior base de usuários do Instagram no mundo

Segundo dados do próprio Instagram, em reportagem publicada pela Folha de S. Paulo, são mais de 50 milhões de pessoas usando o Instagram no Brasil, que está atrás apenas dos EUA. Ainda segundo a notícia, 27% da população brasileira está na rede social, sendo que destes 59% são mulheres.

O comportamento do instagrammer brasileiro é peculiar: somos considerados early adopters das funcionalidades disponibilizadas pelo aplicativo, como é o caso dos Stories. As novidades têm maior aderência aqui no Brasil, o que motiva as marcas a explorarem novos formatos e usar a criatividade para atrair a atenção de seus consumidores.

5. Tempo gasto no Instagram tem aumentado

Em reportagem de 2017 à Bloomberg americana, Marne Levine, chefe de operações do Instagram, trouxe dados que mostram que usuários abaixo de 25 anos passam mais de meia hora por dia conectados no aplicativo. Com maior conteúdo segmentado por interesses e o lançamento da IGTV em 2018, os números tendem a crescer ainda mais.

6. Os Stories vieram para ficar

Lançado em julho de 2016, o Story é um formato efêmero e simples com conteúdo que some em 24 horas - uma ideia claramente inspirada no concorrente Snapchat e que se popularizou rapidamente naquele ano. Hoje, são mais de 400 milhões usuários diários da ferramenta, segundo dados do Instagram Business.

Os Stories têm sido mais usados do que os posts justamente pela sua brevidade e brincadeiras que disponibiliza, como GIFs, enquetes, marcações e filtros. E, para as marcas, os Stories do Instagram podem ser uma excelente ferramenta para gerar interação e explorar toda a criatividade!

Dica: no Instagram, apenas os Stories podem gerar tráfego para um site ou loja virtual organicamente. Para ter esta opção sem pagar, tudo o que você precisa é atingir um mínimo de 10 mil seguidores.

7. Algoritmo otimizado segundo interesses

Apesar de muitas incertezas pairarem quando o assunto é o funcionamento do algoritmo do Instagram, fato é que a primeira declaração pública interna do gerente de produtos da plataforma veio somente em junho deste ano, confirmando que os interesses do usuário, tempo da publicação e interação com outros perfis são os principais fatores que determinam o que você vai ver primeiro no seu Instagram, gerando um feed de posts mais assertivo e relevante.

8. Marcação de produtos

Em março de 2018, outro recurso fundamental para as marcas foi lançado, com a possibilidade de inserir preços nos produtos dos posts. Aqui na Nerdweb, a gente explicou como cadastrar sua loja virtual no Instagram Shopping.

Assim, é possível integrar os produtos cadastrados na Loja da sua Fanpage e levá-los para seu e-commerce.

9. Impulsionamento orgânico

2018 foi mesmo um ano de novidades para o Instagram — após muitos pedidos, o impulsionamento dos posts na ferramenta foi alterado. Antes de julho deste ano, os posts patrocinados na plataforma só apareciam em formato “dark post”, ou seja, fora do feed das marcas.

Com a recente novidade, já é possível impulsionar as publicações normais, sem precisar duplicá-las no Gerenciador de Anúncios. Por enquanto, funciona apenas posts com imagens únicas: vídeos e carrosséis ainda precisam ser publicados novamente antes de colocar a verba.

Além disso, posts programados ainda não podem consolidar os likes e comentários no mesmo post, o que acarreta em um dark post. Porém, deve ser uma questão de tempo até que o Facebook mude esta mecânica.

10. Segmentação ao máximo

O modo como o conteúdo é organizado também favorece a descoberta de novas publicações no Instagram. Usando a aba Explore, indicada pelo ícone da lupa ao lado do feed principal, os posts recomendados para o usuário são apresentados e separados conforme os interesses individuais.

Moda, esporte, decoração são tópicos que podem aparecer e prender mais ainda a atenção do consumidor - por isso é interessante utilizar hashtags e definir o conteúdo em editoriais bem segmentadas para encontrar seu nicho.

***

Que tal conhecer mais sobre as possibilidades do Instagram para seu negócio? Venha bater um papo aqui na Nerdweb e aumente o potencial da sua marca nas redes sociais. ;)

Fonte(s): Social Bakers e Instagram Business

Leia mais:

 

 

FIQUE POR DENTRO!

Fique atualizado com as últimas noticias, dicas e novidades da Nerdweb.