Redes Sociais

Não deu certo: Facebook vai desativar sua inteligência artificial M da rede social

Uma ferramenta diferente e que tinha tudo para dar certo, a M tentou ganhar espaço no mundo das redes sociais mas não teve sucesso. Descubra o porquê!

Por Giovana Bonatto - Dia 16 de Janeiro de 2018 às 19:01

Recentemente, o Facebook anunciou que vai desativar sua inteligência artificial M da rede social. O assistente virtual que mesclava inteligência artificial à obra de mão humana não teve tanto sucesso quanto Mark Zuckerberg esperava e. por isso, a ferramenta que prometia se tornar uma nova Siri será descontinuada no dia 19 de janeiro de 2018.

O objetivo original do M, era que ele aprendesse com os funcionários humanos como responder a perguntas e questões mais variadas feitas pelo público através do Messenge. E os funcionários precisavam garantir que todas as recomendações enviadas pela plataforma estivessem corretas, o que era deveras complicado num produto com bilhões de usuários.

Mas o que era o M?

Em 2015, o Facebook lançou a inteligência artificial M, com enfoque inicial no mercado norte-americano, uma vez que lá o Messenger é o equivalente à popularidade do WhatsApp no Brasil. O M era uma espécie de assistente virtual ligado ao Messenger. Você deve estar se perguntando: mas o que essa ferramenta fazia? Bem, ela lhe indicava o que você poderia fazer em um sábado à noite, em qual restaurante poderia almoçar, os melhores hotéis da cidade, enfim, ele podia lhe ajudar com muitas coisas!

Inclusive, se você estivesse conversando com um amigo e os dois começassem a fazer planos para um almoço no dia 23, por exemplo, o M já lhe apresentava a possibilidade de marcar esse encontro na sua agenda e já lhe mostrava diversos lugares aonde você e seu amigo poderiam almoçar! Genial, não é mesmo?

Por que não funcionou?

Na verdade, são dois os motivos principais:

  1. Poucas pessoas realmente utilizavam a ferramenta, pois a grande maioria preferia os aplicativos mais comuns que têm essa mesma função;
  2. E como o M era uma ferramenta treinada por humanos e supervisionada por humanos e como o Messenger tem mais de 1.3 bilhões de usuários, ter uma resposta pronta para todos os instantaneamente era uma tarefa impossível. Era uma guerra eterna do gato atrás do rato.

 

E foi tudo em vão?

Não! O Facebook afirma que o M foi apenas uma experiência, que todos os objetivos que eles esperavam alcançar com ele foram atingidos e que os resultados alcançados com o M serão utilizados em outros projetos.

Um porta-voz da empresa disse, “Nós lançamos esse projeto para aprender o que as pessoas precisavam e esperavam de um assistente, e nós aprendemos muito. Nós usaremos esses novos conhecimentos em outros projetos de inteligência artificial do Facebook. Nós ainda estamos muito satisfeitos com a performance do M e com o que descobrimos através desse experimento.”.

Além desse anúncio, o Facebook também informou que todos que estavam trabalhando com o M não ficarão desempregados. Os funcionários serão realocados para outras áreas da empresa.

Essa função ainda não tinha chego em sua plenitude no Brasil. Na verdade, foram poucos os lugares que tiveram a chance de usar o M, mas nós gostaríamos de saber: o que você achava desse assistente virtual? Legal ou não? Útil ou inútil? Conte para a gente!

Gostou do texto e quer ficar ligado em todas as novidades do universo da tecnologia? Nos siga nas redes sociais e acompanhe o nosso blog. Aqui você sempre fica por dentro das maiores notícias! Ah, ea Nerdweb tem soluções de inteligência artificial para a sua página, principalmente para aquelas que recebem as mesmas perguntas frequentemente. Se você tem esse problema, fale com a gente!

Fonte(s): B9, The Verge e ADWEEK

FIQUE POR DENTRO!

Fique atualizado com as últimas noticias, dicas e novidades da Nerdweb.