Conteúdo

5 dados para entender o futuro do conteúdo

Estudo da renomada PwC estima que a receita global de todos os segmentos produtores de conteúdo pode chegar a US$ 2,6 trilhões até 2023.

Por Nerdweb - Dia 18 de Julho de 2019 às 15:07

Qual será o futuro do conteúdo online? Como estaremos lidando com o marketing de conteúdo e a publicidade digital dentro de 5 anos? Respostas a essas perguntas são apenas alguns dos insights da vigésima edição do estudo Entertainment & Media Outlook, publicado no mês passado pela PwC.

O relatório, um dos mais completos do segmento, analisa dados relacionados à publicidade em 14 segmentos de 53 países, incluindo o Brasil. Na edição deste ano, a empresa destacou a “personalização” como um dos seus principais temas, conforme explica o relatório.

“Consumidores estão usando um enorme leque de dispositivos conectados para organizar, curar e descobrir universos próprios e únicos de mídia. Em resposta, as empresas estão desenvolvendo suas ofertas revolvendo preferências pessoais, utilizando-se de dados e padrões de uso para apresentar seus produtos não para audiências de bilhões, mas separadamente para bilhões de indivíduos”, diz o texto.

Para entender o futuro do conteúdo, compreender algumas tendências para os próximos 5 anos será fundamental tanto para agências de marketing digital quanto para empresas e consumidores. Listamos aqui 5 dados que vão ajudá-lo a entender como será o futuro nesse segmento.

1. Crescimento no acesso à internet via celular


Em 2019 os Estados Unidos e alguns países da Ásia se preparam para entrar na era do 5G. Embora no Brasil essa novidade não estará disponível antes de 2021, isso significa que as fabricantes farão investimentos massivos para popularizar essa tecnologia.

O estudo da PwC mostra que, em razão disso, há muito espaço para o crescimento no número de pessoas acessando conteúdos via smartphone até 2023. Se por um lado os tablets vão se estabilizar, por outros os chamados smart speakers, essencialmente dispositivos de áudio que permitem buscas por voz, tendem a crescer de forma significativa.

2. Exploração de alternativas que usem realidade virtual

Embora os dispositivos de realidade virtual ainda não possam ser considerados um produto de consumo massivo, é cada vez maior o número de pessoas que possuem um dispositivo compatível com esse formato. O mérito maior disso está nos smartphones, mais modernos e potentes.

Contudo, o número de dispositivos VR dedicados ou para uso residencial tende a crescer até 2023. Esse é um campo ainda muito pouco explorado, que tem encontrado no entretenimento as suas melhores oportunidades. Jogos como Pokémon Go e Harry Potter: Wizards Unite são dois bons exemplos disso. 

3. Aumento no consumo de dados

Mais pessoas com acesso à internet significa mais dados sendo trocados pela rede. Em 2023, esse montante chegará a impressionantes 4,4 quadrilhões de dados. As explicações para isso são a implantação das redes  5G e a consequente redução nos custos das redes 4G e 3G.

Nesse ínterim, as empresas devem passar a se preocupar ainda mais com fatores como privacidade, proteção de dados e cibersegurança. Atenção especial também deve ser direcionada para a qualidade do conteúdo. Com tanta oferta disponível, se tornará mais difícil cativar o consumidor apresentando a ele qualquer coisa.

4. Aumento no consumo de audiovisual via internet

 

Os provedores de conteúdo Over The Top (OTT) devem dobrar o seu mercado nos próximos 5 anos. Sim, isso mesmo: dobrar. Isso significa que serviços de streaming cada vez mais personalizados e segmentados devem abocanhar fatias maiores de mercado com relação à audiência.

Estima-se para 2023 um receita de aproximadamente US$ 72,8 bilhões, sendo a maior parte desse montante relacionadas a assinaturas. Portanto, impactar o consumidor por meio de mídias digitais ganhará um novo desafio. Em meio a uma segmentação cada vez maior, será preciso encontrar seu público-alvo em diversos lugares.

5. Publicidade digital móvel cada vez mais forte

 

Já é uma realidade: as receitas de publicidade digital móvel, desde o ano passado, já ultrapassaram as verbas destinadas à navegação via cabo. O estudo da PwC mostra que nos próximos dois anos a distância entre ambos só deve aumentar, com valores cada vez mais altos dedicados aos smartphones.

É chegada a hora de ter estratégias claras para dialogar com o seu público via smartphone. Caso contrário, as chances de que os seus esforços em publicidade simplesmente “sumam” é grande. Um bom trabalho será aquele que identificar os canais mais adequados para se dialogar com o público-alvo.

.....

Os dados acima são apenas uma amostra do que está por vir. Por se tratar de um mercado dinâmico, alterações ocorrem a todo momento e a sua empresa precisa se aconselhar com especialistas em marketing digital que estejam acompanhando todas essas mudanças. Consulte a equipe da Nerdweb para conhecer quais são as melhores estratégias para atender as suas demandas.

FIQUE POR DENTRO!

Fique atualizado com as últimas noticias, dicas e novidades da Nerdweb.