Publicidade

4 tendências de tecnologia em anúncios para 2019

Saiba o que esperar do mercado digital neste ano no que diz respeito à promoção de conteúdo e à publicidade de informações empresariais.

Por Nerdweb - Dia 12 de Março de 2019 às 13:03

Já faz muito tempo que o marketing digital deixou de ser a “tecnologia do futuro” para se tornar uma realidade. Hoje, é praticamente impensável para uma grande empresa elaborar uma campanha de divulgação sem envolver tecnologia e as tendências de anúncios para 2019 mostram que esse é um caminho sem volta.

O marketing digital vive uma fase de expansão, mas não apenas no sentido de ampliar o seu volume. O que se busca, atualmente, é uma maior assertividade nas comunicações, graças ao grande número de tecnologias disponíveis na atualidade, como o uso debig data, de inteligência artificial e de deep learning.

Em 2019 não deve ser diferente. Com tecnologias como essas se tornando cada vez mais acessíveis, aumenta o número de empresas interessadas em se aproveitar dessas tendências. Como consequência, a competitividade se torna mais acirrada e aqueles que saem na frente em algumas novidades podem ter um diferencial competitivo significativo.

1. A competição no mercado de streaming fica acirrada

O vídeo continuará sendo a palavra de ordem para as grandes empresas. A Disney planeja iniciar o seu próprio serviço de streaming, o Disney+, para bater de frente com Netflix, Amazon Prime e outras alternativas. Com tantos meios disponíveis no mercado, a escolha do consumidor acabará recaindo sobre aqueles que apresentarem o conteúdo mais relevante.

Em outras palavras, quem detém o conteúdo, detém também a atenção dos espectadores. Para as empresas, o impacto deve ser significativo. Estar presente em cada um desses meios, produzindo conteúdo para públicos segmentados, é uma das formas de se destacar.

Em se tratando de anúncios, portanto, a segmentação passa a ter ainda mais relevância. Estamos chegando a um ponto em que o nível de informações que se tem sobre o consumidor é cada vez mais alto. Interpretar esses dados e oferecer uma comunicação em uma linguagem adequada é um desafio.

2. Segmentação também junto ao público jovem

Pesquisa apontam que a base de usuários das principais plataformas sociais consolidadas na atualidade está envelhecendo. Os jovens, que antes usavam o Facebook, migraram para o Instagram ou para o Snapchat (especialmente nos Estados Unidos). Os conteúdos efêmeros, que somem depois de 24 horas, são uma tendência.

Isso requer um nível de produtividade e de distribuição como nunca foi visto antes. Perder o timing de uma postagem, por exemplo, pode significar ter que inutiliza-la por completo, resultando em gastos desnecessários. Em suma: entender como se comunicar em cada uma das plataformas é mais do que essencial.

Com o auxílio de profissionais de marketing digital, sua empresa pode elaborar um plano de ação visando empregar a tecnologia a seu favor. Use e abuse das métricas de distribuição e readéque seu plano de comunicação sempre que possível, não deixando de lado os caminhos considerados de nicho.

3. Amazon deve entrar no mercado de anúncios

Google e Facebook disputam hoje a maioria dos profissionais mais capacitados em criação de tecnologias para promoção de anúncios. Porém, a entrada da Amazon nesse mercado pode acirrar ainda mais as disputas, resultando em mais alternativas para os publishers e, consequentemente, para as empresas.

Jeff Bezos, o fundador da Amazon, não se tornou o homem mais rico do mundo à toa. Seu conglomerado de negócios vem crescendo ano após ano de maneira segura e constante, de forma que não será surpresa se os seus principais concorrentes forem obrigados a fazer mudanças em seus algoritmos para se tornarem mais competitivos.

A palavra de ordem, portanto, especialmente para os desenvolvedores é: atenção. Ser um dos primeiros a adotar novidades provenientes da companhia pode significar uma vantagem competitiva bastante significativa dentro de dois ou três anos.

4. Chatbots: ainda em busca de efetividade

Há cerca de dois anos, os chatbots invadiram o mercado e muitas empresas aderiram à ideia sem saber ao certo como ela poderia, de fato, ser de grande ajuda. Contudo, de lá para cá muita coisa amadureceu. Aventureiros se viram sem saída e desenvolvedores mais experientes refinaram a plataforma para múltiplos usos.

A publicidade via chatbots, hoje, é também uma alternativa a ser considerada. Seu custo mais acessível é um chamariz e tanto, se pensarmos no potencial que ela tem ainda para crescer. Estar presente em ações como essas pode significar uma oportunidade e tanto para conquistar um novo público sem precisar demandar tanto capital.

Na dúvida, converse com uma equipe especializada em marketing digital para saber quais são os melhores caminhos. O mundo da publicidade está em constante transformação e nada melhor do que ouvir empresas experientes no mercado para descobrir em quais direções é melhor seguir. Nós da Nerdweb temos um time nerd que ama construir novos cases todos os dias, entre em contato!

FIQUE POR DENTRO!

Fique atualizado com as últimas noticias, dicas e novidades da Nerdweb.